Empresário Pacovan esteve em Teresina uma semana antes de assassinato e teve discussão ao cobrar dívida, diz portal

Empresário Pacovan esteve em Teresina uma semana antes de assassinato e teve discussão ao cobrar dívida, diz portal

Notícias

O portal AZ de notícias informou que o agiota Josival Cavalcanti da Silva, mais conhecido como Pacovan, esteve em Teresina na semana passada antes de ser executado a tiros em Zé Doca, interior do Maranhão.

Segundo site, a visita de Pacovan teve um endereço certo: um estabelecimento comercial no Ceasa Piauí, na capital. No local, ele teria tido uma “discussão que fedia a sangue” com um empresário, que não teve a identidade revelada.

O agiota estava em Teresina cobrando uma dívida.

Pacovan tinha meio bilhão de reais emprestados no Piauí, Maranhão e Pará e era proprietário de mais de 100 postos de combustíveis. Se não encontrarem documentos que provem esses “empréstimos” e não identificarem os laranjas em cujos nomes estão as empresas, vai ficar muita gente rica e feliz.

Ele já era condenado por crimes contra a ordem tributária, lavagem de dinheiro e formação de organização criminosa no Maranhão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *