O texto corporativo, a internet e as redes sociais

Oficina de Redação Empresarial

Como representar a instituição em comunicados,  correspondências corporativas e nas plataformas digitais

Escrever bem é fundamental em várias profissões e tarefas, especialmente quando o texto traduz a imagem da empresa para o público externo.  O mundo dos negócios, globalizado e afetado pela tecnologia, exige o compartilhamento de informações e a divulgação de ações e estratégias nas redes sociais.

A troca de mensagens, por meio dos vários recursos disponíveis atualmente,  faz parte da rotina corporativa. A rapidez da comunicação eletrônica aposentou algumas formalidades típicas da linguagem empresarial. Os e-mails e comunicados internos tendem a ser mais curtos e objetivos,  o que não substitui o rigor com o conteúdo. A correta redação de contratos e de correspondências externas também  é fundamental.

Textos confusos, com erros de português, podem distorcer ideias e comprometer a imagem da instituição. O emprego de termos inadequados e a exagerada informalidade também podem trazer prejuízos à instituição.

É preciso escrever bem: sem erros de ortografia, com clareza, coerência, objetividade e bom senso.

Redação Empresarial
Data:
2018
Horário:
9 às 18h
Duração:
7 horas, não incluindo o intervalo para almoço
Local:
A definir

Valor via boleto ou pagamento online:

R$ 230,00

Valor para pagamento no dia do curso:

R$ 250,00

Objetivos

• Abordar a redação de textos que favoreçam o entendimento de mensagens a consumidores, colaboradores e diretores

• Corrigir problemas na elaboração de textos (clichês, vícios de linguagem, uso do gerúndio, formalidade ou exagerada informalidade)

• Analisar mensagens postadas nas redes sociais e identificar as características que podem ser úteis na redação de diferentes textos

• Apontar os erros mais comuns nos textos corporativos publicados em sites e redes sociais

• Conciliar o formato objetivo da comunicação rápida com as normas de português

• Exercitar a redação de mensagens eletrônicas, correspondências e textos institucionais
• Orientar a redação de textos de acordo com as necessidades dos participantes

Público-alvo

Profissionais de diferentes áreas que desejam melhorar a expressão escrita no trabalho, nas relações com clientes ou na comunicação pessoal. Estudantes e candidatos que buscam ascensão na carreira e precisam aprimorar o uso da língua portuguesa.

Programa

Módulo 1: O texto como aliado

• Ruídos na comunicação: as armadilhas e equívocos que distorcem ideias ou comprometem o entendimento da mensagem;
• Os principais pecados na redação: análise das dificuldades na elaboração de textos; os vícios de linguagem;
• Organização, objetividade e agilidade na hora de escrever um texto empresarial;
• Dicas práticas para melhorar a gramática e as formas de expressão.

Módulo 2 – Comunicação e carreira

• O padrão recomendado para a linguagem corporativa: formal ou informal?

• Textos comerciais: Como ser claro e objetivo em cartas, mensagens e comunicações profissionais;

• Conciliar o formato objetivo da comunicação rápida com as normas de português;

• Treinar a redação de textos para internet e intranet corporativa.

Coordenação de Cirley Ribeiro
Jornalista profissional, formada pela Universidade Federal de Santa Catarina, especialista em Tecnologia Educacional, com MBA pela FAAP – Fundação Armando Álvares Penteado. Repórter experiente, com 32 anos de carreira, conquistou diversos prêmios em comunicação, entre eles: o APCA, o Grande Prêmio Ayrton Senna de Jornalismo, o Prêmio Vladimir Herzog de Direitos Humanos e o Prêmio Ethos de Jornalismo e Responsabilidade Social. Professora de Redação e Radiojornalismo na Faculdade de Comunicação e Marketing da Fundação Armando Álvares Penteado desde 1996. Desenvolve cursos e palestras para universidades e instituições de ensino. Repórter Sênior nas Rádios Cultura FM e Cultura Brasil AM, emissoras da Fundação Padre Anchieta, nas quais trabalha desde 1988. Profissional atuante em comunicação, é conselheira do Instituto Caros Ouvintes.

ATENÇÃO: Se o número necessário de inscrições não for atingido até 5 dias antes do início do curso, a data poderá ser alterada ou o dinheiro dos já inscritos devolvido.